//MEIO AMBIENTE// Maritaca em cativeiro e corte de árvores são punidos com multa

Maritaca estava em cativeiro em imóvel na Colina dos Ipês


 

Policiais militares ambientais multaram em R$ 500 um morador da Colina dos Ipês, em Serra Negra, que mantinha em cativeiro um pássaro silvestre - uma maritaca (Psittacara leucophthalmus). 

A ave foi apreendida e ficou à disposição do próprio infrator mediante Termo de Apreensão e Termo de Destinação de Animais Apreendidos, devido à indisponibilidade de vagas nos órgãos recebedores.

Em contato telefônico com a Delegacia de Serra Negra, a equipe responsável pelo atendimento da ocorrência, formada pelos cabos Almeida e Oliani, foi instruída para enviar ofício à autoridade policial, a fim de que sejam tomadas as demais  providências penais.


A mesma equipe da Polícia Ambiental, também atendendo a uma denúncia, multou em R$ 2 mil o proprietário de um sítio no município de Socorro, pelo corte de quatro exemplares de Jeribá (foto acima), sem a devida autorização ou licença de órgão ambiental competente.

Como no caso de Serra Negra, será enviado ofício à Delegacia de Polícia de Socorro para que ela prossiga com o processo penal contra o infrator.




Comentários

  1. Incrível. A Polícia Ambiental existe e atua. Tomara que continue assim.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Os comentários são bem-vindos. Não serão aceitos, porém, comentários anônimos. Todos serão moderados. E não serão publicados os que estimulem o preconceito de qualquer espécie, ofendam, injuriem ou difamem quem quer que seja, contenham acusações improcedentes, preguem o ódio ou a violência.